sábado, 14 de setembro de 2013

TUCANO MORDE

Posto que estou puto,
Esgrimando com a revolta,
Abro-me em copas
Na canastra da política:

Ex morcegos hematófagos
Nas jugulares do povo,
Decaídos a urubus
Travestidos de tucanos
Querem transubstanciar
Mentiras em verdades:

Vão para as ruas impunes,
Chamam a presidente de vagabunda,
Pregam golpes militares, acumpliciam-se
Com organizações estrangeiras
E quase pedem  anexação do país ao império,
Para choramingarem os exagerados bicos
Em alarde de falta de democracia.

São de tal torpeza explícita
Que baniram o analfabetismo político:
O povo já sabe separar alhos e bugalhos
Porque aprendeu a os ter como exemplo.

Esperneiam no tronco seco da política
Os pássaros bicudos que se sonharam
Na floresta, para privatizar árvores
E secar rios.

Francisco Costa

Rio, 12/09/2013.

Um comentário:

  1. CONVITE
    Passei por aqui lendo, e, em visita ao seu blog.
    Eu também tenho um, só que muito simples.
    Estou lhe convidando a visitar-me, e, se possível seguirmos juntos por eles, e, com eles. Sempre gostei de escrever, expor as minhas idéias e compartilhar com as pessoas, independente da classe Social, do Credo Religioso, da Opção Sexual, ou, da Etnia.
    Para mim, o que vai interessar é o nosso intercâmbio de idéias, e, de pensamentos.
    Estou lá, no meu Espaço Simplório, esperando por você.
    E, eu, já estou Seguindo o seu blog.
    Força, Paz, Amizade e Alegria
    Para você, um abraço do Brasil.
    www.josemariacosta.com

    ResponderExcluir